Saúde Mental No Trabalho: Importância e 5 Dicas Para Mantê-La!

Entender a importância da saúde mental no trabalho nunca foi tão importante.

Afinal, estamos vivendo dias muito estressantes e corridos.

Nesse sentido, a modernidade trouxe muitas tecnologias e novidades, mas também vimos um grande aumento de alguns sinais nas empresas, tais como:

  • Crescimento da competitividade;
  • Prazos cada vez mais apertados para cumprir demandas;
  • Bem como, exigência de um profissional cada vez com maior e melhor performance;
  • Necessidade de estudar e se especializar continuamente.

Desse modo, em toda a história da humanidade nunca vimos uma geração de trabalhadores tão estressada e sobrecarregada.

Todavia, nem todas as pessoas têm preparo psicológico e mental para lidar com tudo isso.

Assim, falar sobre a saúde mental no trabalho é fundamental para evitar o adoecimento dos colaboradores.

Ademais, isso garante o bem-estar e a produtividade das pessoas.

Você já domina esse assunto?

Para aprender tudo sobre ele, leia nosso post até o final e anote as dicas que vamos te fornecer!

Tenha uma leitura maravilhosa!

O que é saúde mental no trabalho? 

Antes de mais nada, vamos entender direitinho sobre o que se trata esse tema.

Todos sabemos que ter um bom ambiente de trabalho é fundamental para o crescimento da equipe.

Dessa forma, é super importante que os colegas de trabalho se enxerguem como companheiros e que eles amem o que fazem na companhia.

Pensando nisso, muitas empresas oferecem bons salários, excelentes benefícios e programas de atenção à saúde física do trabalhador.

Todavia, quando o assunto é a saúde mental no trabalho, muitas vezes ocorre falhas e despreparo da empresa.

Afinal, a saúde mental é algo invisível e, na imensa maioria das vezes, é ainda um tabu nas organizações brasileiras.

Atualmente, muitos colaboradores sofrem com depressão e ansiedade e ficam calados na companhia.

Isso é terrível para o funcionário e claro, também para a empresa.

Assim, reforçamos a necessidade de apoio psicológico nas organizações e um olhar apurado dos gestores.

Desse modo, é possível identificar os sinais de alerta logo no início do adoecimento mental de um colaborador.

Resumidamente, a saúde mental no trabalho é a forma como o funcionário reage a:

  • Situações de estresse no trabalho;
  • Capacidade de lidar com as suas limitações e habilidades;
  • Autoconhecimento;
  • Produtividade;
  • Por fim, como ele se enxerga na comunidade e na empresa.

Como cuidar da saúde mental no trabalho?

De antemão, deu para notar que a saúde mental é essencial para o clima no trabalho, não é mesmo?

Porém, quando o assunto precisa ser mais prático, muitos líderes e gestores se perdem e não sabem o que fazer para implementar isso na companhia.

Dessa forma, vamos te dar 5 dicas sobre como desenvolver a saúde mental no trabalho de forma correta e com resultados garantidos.

Confira:

1 – Saude mental no trabalho: Conte com uma equipe de suporte psicológico

Saude mental no trabalho: Conte com uma equipe de suporte psicológico

Primeiramente, é essencial contar com uma equipe de suporte psicológico para a sua empresa.

Nesse sentido, converse com alguns psicólogos e trace algumas estratégias para ajudar todos os integrantes da companhia.

Além disso, sempre que possível, ofereça palestras com esses profissionais e invista algumas horas mensais em temas como:

  • Saúde mental nas nossas vidas;
  • Inteligência emocional;
  • Autocontrole e gestão de tempo;
  • Dentre outros temas relevantes da atualidade.

Dica bônus: atendimento online

Com a expansão tecnológica é possível oferecer aos funcionários atendimento virtual com diversos profissionais, inclusive com psicólogos.

Desse modo, recomendamos que você deixe à disposição um ou mais psicólogos para atender de forma remota os seus colaboradores.

Isso poderá garantir que eles desabafem e até se tratem corretamente.

2 – Trabalho e saúde mental: Fique atento aos sinais de funcionários adoecidos

Trabalho e saúde mental: Fique atento aos sinais de funcionários adoecidos

Sob o mesmo ponto de vista, um bom líder não dá apenas ordens e delega tarefas.

Nesse sentido, um gestor exemplar consegue ver todos os sinais individuais de seus funcionários.

Desse modo, ele age muitas vezes com assertividade e rapidez, o que impede maiores transtornos como afastamentos e até depressão grave e/ou tentativas de suicídio.

Veja alguns sinais de um colaborador com a saúde mental no trabalho abalada:

  • Queda da produtividade;
  • Impaciência com os colegas e até discussões (bate-boca);
  • Ausência em reuniões, happy hours e encontros da empresa;
  • Faltas não justificadas e total desinteresse em conversar sobre o trabalho.

Se você notar alguns desses sinais em funcionários, chame-os para conversar e tenha um diálogo franco.

Tente entender o que está havendo e ajude o seu colaborador da melhor forma possível.

3 – Dê feedbacks corretamente

Dê feedbacks corretamente

Exigir alta performance e produtividade é dever de todo líder. Contudo, é preciso saber cobrar algo de um funcionário.

Muitos profissionais viram suas carreiras acabarem devido à tirania de alguns chefes.

Dessa forma, recomendamos que você saiba como dar bons feedbacks.

Explique para o funcionário o que foi feito de errado e como isso pode afetar toda a equipe.

Em contrapartida, sempre que o empregado faz algo muito bom, ele merece ser elogiado e ter suas ações enaltecidas.

Assim, chame-o para conversar e agradeça pela sua ótima atitude.

Bem como, explique tudo de positivo que ele tem feito e valorize esse tipo de colaborador.

4 – Valorize a comunicação interna

Valorize a comunicação interna

Ademais, incentivar a comunicação interna é essencial para a saúde mental no trabalho.

Portanto, invista em reuniões, encontros e sempre que perceber algo “no ar” converse com a equipe.

Permita que seus colaboradores se sintam à vontade em conversar contigo e expor os seus problemas profissionais e até mesmo pessoais.

Para isso, você deve ser um gestor com a inteligência emocional desenvolvida e uma pessoa aberta a se colocar no lugar do outro.

Em síntese, você deve ter muita empatia.

5 – Tenha um plano de carreira

Sob o mesmo ponto de vista, toda companhia que deseja valorizar e incentivar os seus colaboradores deve ter um bom plano de carreira.

O que a pesquisa diz sobre as causas dos problemas de saúde mental no trabalho

Pesquisas apontam que alguns problemas mentais em funcionários existem por causa de:

  • Sentimento de desvalorização;
  • Insegurança no ambiente corporativo;
  • Medo do futuro profissional;
  • Falta de perspectivas profissionais.

Assim, é muito importante que o colaborador veja quais são as suas possibilidades de crescimento na organização.

Desse modo, ele poderá traçar estratégias e se capacitar para alcançar a vaga que sonha em ter dentro da empresa.

Nesse sentido, além de conhecer a função que ele sonha, é necessário que você enquanto líder exponha quais são os critérios que precisam ser cumpridos para a promoção de um funcionário.

Dentre algumas diretrizes podemos citar:

Qual a importância da saúde mental no trabalho para ser um bom profissional?

Para ser um profissional feliz, realizado e produtivo é imprescindível estar com a saúde mental em dia.

Conforme você viu acima, é ela que direciona o colaborador para ações mais positivas e assertivas em relação à própria carreira.

Em resumo, a saúde mental no ambiente corporativo é muito importante para:

  • Produtividade: um empregado que entende a sua relevância na equipe produz mais e melhor. Além disso, ele sempre está em busca de se superar e viabiliza projetos;
  • Resiliência: bem como, esse tipo de colaborador sempre consegue superar adversidades e se mantém firme mesmo em situações difíceis e que exigem paciência;
  • Alta performance: um bom profissional e que tem uma saúde mental equilibrada sempre tem ótima performance. Assim, ele consegue vencer os desafios impostos pela carreira, empresa e/ou situação econômica do país;
  • Inteligência emocional: em síntese, esse colaborador conseguirá desenvolver todas as ferramentas para ser capaz de lidar com os mais diversos tipos de situações e problemas.

Por que é tão importante falar sobre saúde mental?

Por que é tão importante falar sobre saúde mental?
Two sad diverse women talking at home. Female friends supporting each other. Problems, friendship and care concept

O tema saúde mental é ainda um assunto muito velado e considerado um tabu, tanto nas empresas, quanto na sociedade em geral.

Afinal, diferentemente de outros problemas, fatores mentais são invisíveis e por isso, muitas vezes são negligenciados por líderes e gestores.

O Brasil tem uma cultura ainda muito forte de que transtornos e problemas emocionais e mentais são “frescuras”, “coisa de doido” e “falta de serviço”.

Desse modo, diversas pessoas se recusam a procurar um psicólogo mesmo quando estão muito deprimidas e até quando querem desistir de viver.

Nesse sentido, é necessário que as empresas comecem a quebrar esse tipo de tabu e invistam na saúde mental no trabalho.

Assim, o assunto deve ser compreendido pelos funcionários como algo normal e que faz parte da vida de todos nós, seres humanos.

Desse modo, recomendamos que as companhias se voltem o quanto antes para o tema e promovam ações para tratar os transtornos mentais como qualquer outro problema de saúde.

Veja algumas iniciativas simples mas muito eficazes que podem ser tomadas:

  • Discussões e debates sobre o tema;
  • Mesa redonda com profissionais da saúde para abordarem o assunto;
  • Questionários e pesquisas internas anônimas para verificar o nível de estresse ou sobrecarga que seus funcionários passam todos os dias;
  • Amparo com psicólogos e atendimentos gratuitos para os colaboradores que demonstram estar com problemas e transtornos de ordem emocional. 

Entendeu a importância de falarmos sobre a saúde mental no trabalho?

Acompanhe o nosso site diariamente para aprender mais sobre temas relacionados ao mercado de trabalho, empregos e notícias.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You May Also Like