Dinâmica Do Nó Humano: O Que É E 3 Dicas Para Se Destacar Nesse Momento

Conheça agora a dinâmica do nó humano, sua relevância em processos seletivos e o que os recrutadores desejam saber sobre você com essa ação

Atualmente, uma das dinâmicas mais usadas no Brasil em processos seletivos é a dinâmica do nó humano.

Desse modo, conhecer essa ferramenta e saber do que se trata, pode te ajudar muito durante o processo seletivo.

De modo geral, as companhias realizam tais dinâmicas antes de uma entrevista para conhecer melhor o perfil do(a) candidato(a).

Bem como, para ver se aquele indivíduo deve ser entrevistado(a) ou se é melhor retirar a pessoa do processo de seleção para a vaga ali mesmo.

Afinal, nem sempre possui as hard skills necessárias para uma vaga faz de você o perfil ideal para o cargo.

Pensando nisso, o Via Fortuna foi atrás de informações sobre uma das dinâmicas mais comuns, que é chamada de nó humano.

Quer saber mais sobre essa dinâmica, suas características e como você pode se destacar nesse momento? Se sim, não deixa de conferir nossa matéria de hoje e tenha uma excelente leitura!

O que é a dinâmica do nó humano?

Antes de mais nada, saiba que a dinâmica do nó humano surgiu há algum tempo e consiste no seguinte experimento:

  • Um grupo de pessoas ao som de música deverá fazer um círculo. Assim, deverão memorizar quem está ao seu lado (tanto do lado direito, quanto do lado esquerdo);
  • Em seguida, o grupo deverá receber um fio de barbante e soltar as mãos de quem são seus parceiros;
  • Após andar um pouco, o recrutador pedirá que vocês voltem ao estado anterior. Ou seja, que formem novamente um círculo com os seus respectivos colegas lado a lado.

Conforme podemos notar, haverá uma grande confusão. Afinal, o barbante ficará “enrolado” na maioria das pessoas.

Bem como, será difícil que todos os que estavam lado a lado antes fiquem novamente juntos. Já imaginou a confusão? Mas o que será que o recrutador deseja notar ao realizar esse tipo de dinâmica? Acompanhe a leitura para saber!

Afinal, para que serve essa dinâmica?

De antemão, salientamos que a dinâmica do nó humano existe, basicamente, para mostrar a importância do trabalho em equipe.

Afinal, todos estarão juntos e precisarão se unir para conseguir cumprir a tarefa de voltarem para o círculo inicial.

Mesmo quem se moveu pouco, precisará se mexer um pouquinho para conseguir encontrar o parceiro que estava a seu lado anteriormente.

Além disso, percebemos nesse tipo de dinâmica como é essencial que o trabalho em equipe seja organizado previamente à sua execução.

Ou seja, se todos soubessem que precisariam ficar lado a lado antes da ação, com certeza andariam o mínimo possível, não é mesmo?

Portanto, esses são os principais ensinamentos que essa dinâmica deseja trazer para os envolvidos.

Por último, o recrutador deseja entender como cada candidato irá encontrar a solução para voltar ao círculo inicial.

Desse modo, é possível entender quem vai ser proativo, quem vai reclamar e não fazer nada e até quem vai achar isso uma grande bobagem.

3 dicas para você se destacar nessa dinâmica

dinâmica do nó humano

Ao passo que você conhece o motivo e como acontece a dinâmica, é hora de te darmos mais informações sobre o tema!

Nesse sentido, leia as nossas 3 sugestões abaixo sobre como se destacar na dinâmica do nó humano. Confira e salva esse post para você não perder essas dicas, olha só!

1.      Fique calmo(a)

Primeiramente, assim que souber que se trata dessa dinâmica, fique calmo(a). Dessa forma, poderá agir com cautela e evitar se “embolar” no barbante mais que os outros.

Muitas pessoas se desesperam pois não sabem ao certo como agir na dinâmica. Assim, andam muito pela sala e acabam se prejudicando e até dificultando o seu processo.

Em resumo, ante normalmente mas sem correr ou circular vários colegas.

2.      Tenha total atenção a quem está do seu lado

Sob o mesmo ponto de vista, é essencial saber quem são os seus colegas. Afinal, você deverá voltar para o lado deles depois de andar um pouquinho.

Nesse sentido, decore na sua mente quem são essas pessoas. Ah! Se você tem pouca memória, recomendamos que fique atento(a) a sinais marcantes como uma joia, tatuagem, cor de roupa ou até mesmo a uma característica forte do colega, como a cor dos olhos, por exemplo.

3.      Jamais haja com impaciência e/ou menospreze a dinâmica

Essa dica pode parecer boba, entretanto, infelizmente muita gente ainda comete esse erro. Desse modo, por mais que você julgue essa dinâmica como simples, não deixe isso transparecer para o recrutador e nem para os seus colegas.

Atualmente, muitas empresas não dão uma segunda chance para candidatos que agem com “o rei na barriga” durante os processos seletivos.

Nesse sentido, guarde as suas opiniões para você e lembre-se do que comentamos acima: cuidado para não expor a insatisfação na face (nada de cara feia!).

Saiba agora como ser lembrado(a) em dinâmicas em grupo

dinâmica do nó humano

As dinâmicas em grupo são fundamentais na maioria dos processos de seleção de novos colaboradores.

De modo geral, é nesse momento que a companhia conhece melhor os candidatos. Bem como, a interação com os colegas para a resolução dos problemas permite que os recrutadores entendam qual o perfil de cada indivíduo.

Quer saber como se destacar nesse momento e garantir a sua permanência no processo seletivo? Então anote as nossas dicas abaixo e esteja pronto(a) para a entrevista de emprego. Veja!

Conheça bem a companhia em que deseja entrar

De antemão, é imprescindível que você conheça a fundo a empresa onde deseja trabalhar. Nesse sentido, não precisa fazer longas pesquisas e nem quebrar a cabeça para isso.

De modo geral, recomendamos que você entenda como a organização funciona sob os seguintes aspectos:

  • Sua área de atuação e como ela impacta a cidade, estado e país onde está inserida;
  • Bem como, quais são a missão, valores e visões dessa instituição. Desse modo, selecione uma ou duas características que você também goste;
  • Compreenda como o seu cargo é importante para a organização. Isso significa entender não só os afazeres diários e decisões que irá tomar no dia-a-dia. Como também tem relação direta em como você se enxerga dentro da empresa;
  • Siga as redes sociais da companhia, como Instagram, LinkedIn, Facebook e outras. Dessa forma, você saberá mais sobre a instituição e mostrará aos recrutadores que é uma pessoa interessada e preparada para o cargo.

Mostre que você está preparado(a)

Por falar nisso, demonstre que está preparado(a) com palavras e, claro, com atitudes. Nesse sentido, mantenha uma postura ereta e sempre olhe nos olhos de quem fala contigo.

Ademais, exponha com clareza o que deseja, sente e pensa. Bem como, faça perguntas inteligentes e procure entender a dinâmica como um todo.

Em síntese, não basta estar preparado(a), é necessário demonstrar isso para quem está te avaliando, combinado?

Exponha os seus atributos

Essa dica parece simples, todavia, muitas pessoas ficam nervosas e se perdem durante o processo de seleção.

Dessa forma, sempre que for falar, mostre que possui boa oratória e ótima comunicação. Ademais, se for necessário realizar algo, mostre que você é proativo e se coloque à disposição para começar determinada tarefa.

Tais atitudes parecem simples, mas são anotadas pelo recrutador e observadas com grande atenção. Não adianta estudar sobre e desenvolver soft skills se você não as colocar em prática para conseguir o emprego que sonha para a sua vida, não é mesmo?

Seja autêntico(a)

Atualmente, as companhias investem em diversidade e contrata as pessoas pelo que elas realmente são.

Desse modo, seja você mesmo(a) e não tente se enquadrar em nenhum padrão ou se parecer com outra pessoa.

Portanto, seja quem você é e haja da forma mais natural possível. Em uma dinâmica é importante que o recrutador conheça quem você é de verdade.

Além disso, será vantajoso para a empresa e para você mesmo(a) poder agir no dia-a-dia da companhia de forma sincera. Ou seja: não invente um personagem!

Fale das suas conquistas de forma clara

Durante dinâmicas de grupo e/ou entrevistas, muitas pessoas não falam das suas vitórias corretamente.

Dessa forma, recomendamos que você cite as suas conquistas de forma mensurável. Por exemplo, dizer que você é dedicado(a) não quer dizer absolutamente nada para o recrutador.

Contudo, fale que você obteve rendimento acima de 90% nos indicativos do último ano no emprego em que atua.

Viu só como ficou mais fácil para quem conversa contigo entender o seu potencial e dedicação?

Jamais se atrase

Por último, tenha muita atenção aos horários! Chegar atrasado(a) em dinâmicas e/ou em entrevistas pode fechar as portas daquela empresa para você por muito tempo.

Portanto, se organize corretamente e tente chegar, no mínimo, 10 minutos antes do horário marcado pela companhia.

Curtiu conhecer melhor a dinâmica do nó humano? Então, não se esqueça de ativar as nossas notificações.

Dessa forma, poderá ler sempre nossos posts sobre carreira, elaboração de currículos e conferir dicas sobre processos seletivos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You May Also Like