Como Fazer Um Pitch Pessoal? Passo a Passo e 7 Técnicas Aqui!

Saiba agora como fazer um pitch pessoal de sucesso e impressione os seus ouvintes durante um processo seletivo na empresa dos seus sonhos

Aprender como fazer um pitch pessoal é extremamente importante, principalmente para quem está em busca de uma oportunidade.

Nesse sentido, se você vai participar de uma entrevista de emprego ou de um processo de seleção para uma vaga de trabalho, precisa ler esse conteúdo com calma.

Afinal, esse será o momento em que você deverá vender o seu “peixe” para os recrutadores. Caso você desconheça o conceito de pitch pessoal ou não compreenda bem como fazer um, chegou na matéria certa!

No post de hoje, te mostraremos tudo sobre esse conceito, suas principais características e utilidade. Além disso, você compreenderá todos os tipos de pitch e ainda terá algumas dicas para saber como fazer o seu!

Está pronto(a) para dominar esse assunto e conquistar a vaga de emprego dos seus sonhos? Venha conosco e tenha uma excelente leitura!

O que é pitch pessoal?

Primeiramente, vamos assimilar o que é e como se aplica esse conceito, antes mesmo de saber como fazer um pitch pessoal. Nesse sentido, saiba que pitch pessoal nada mais é que uma apresentação rápida e concisa de si mesmo.

Contudo, o pitch se difere bastante de uma apresentação tradicional. Isso porque o pitch pessoal precisa durar de 30 segundos a, no máximo, 2 minutos.

Desse modo, nesse limite de tempo o candidato(a) precisa resumir as suas características, perfil e habilidades. Além disso, deve convencer os recrutadores de que ele(a) é a pessoa ideal para ocupar a vaga que está aberta.

Em síntese, saber como fazer um pitch pessoal é muito útil, principalmente nas seguintes situações:

Como fazer um bom pitch pessoal

  • Entrevistas de emprego para ocupar cargos efetivos de uma companhia;
  • Processo seletivo de trainees;
  • Disputa de vagas por uma oportunidade de estágio.

Ou seja, o pitch pessoal é o seu momento de brilhar e expor os benefícios que a sua contratação pode gerar para a organização.

Resumidamente, indicamos que um bom pitch pessoal tenha as seguintes informações:

Como fazer um pitch de apresentação pessoal

  • Seu nome e sua formação;
  • Sua área de atuação e última maior conquista;
  • Seus diferenciais e habilidades;
  • Por fim, fale sobre os seus objetivos e sonhos profissionais.

Para que serve o pitch pessoal?

Como fazer um pitch pessoal

O pitch pessoal serve para que você tenha a oportunidade de se apresentar de maneira rápida, coerente e concisa.

Além disso, esse momento é muito importante para os recrutadores. Afinal, nesse estágio do processo seletivo eles poderão observar algumas características dos candidatos, tais como:

Fazer um pitch pessoal de sucesso

  • Se eles sabem e dominam como fazer um pitch pessoal;
  • É possível verificar quem consegue falar bem em público e a sua desenvoltura nesse tipo de situação.

Se você deseja saber como falar bem em público, leia o artigo completo que escrevemos sobre o tema! Está disponível aqui no nosso site e já ajudou centenas de pessoas a melhorarem a sua performance em apresentações de trabalho e acadêmicas.

Quais os tipos de pitch?

Ao passo que você já aprendeu o que é e para que serve um pitch pessoal, é hora de irmos para outra etapa de aprendizagem.

Nesse sentido, iremos discorrer agora sobre os 3 tipos de pitch que existem, que são o elevator pitch, one sentence pitch e pitch deck.

Venha saber mais sobre cada um deles agora, confira!

1.      Elevator pitch

Antes de mais nada, vamos falar sobre um dos mais famosos tipos de pitch, o pitch de “elevador”. Dessa forma, o elevator pitch é pensado em algo que não passe de 1 minuto.

Por isso, este nome. Ele foi idealizado para você se apresentar a um possível chefe, sócio ou investidor durante um trajeto de elevador. Desse modo, precisa ser ágil e bastante dinâmico.

Por fim, sempre recomendamos que o elevator pitch tenha:

Como fazer um pitch elevator pessoal

  • Seu nome e como você pode gerar valor para a empresa;
  • Suas principais habilidades;
  • Bem como, os seus diferenciais e sua proposta de sucesso para a companhia.

2.      One sentence pitch

O one sentence pitch também é chamado de twitter pitch. Diferentemente do nosso primeiro tipo, aqui, você precisa expor para a empresa em cerca de 3 linhas os seus melhores atributos.

Assim, indicamos que você elabore esse pitch pessoal para apresentações de cerca de 30 segundos. Ou seja, ele precisa ser muito rápido, dinâmico e ter as seguintes informações:

Como fazer um pitch pessoal pronto

  • Sempre se apresente e fale a sua principal qualificação;
  • Ademais, cite como você pode ser um profissional diferenciado na companhia;
  • Exponha a sua visão de sucesso e de valor em relação ao trabalho que desenvolverá na empresa se for contratado(a).

3.      Pitch deck

Por último, precisamos falar sobre o pitch deck. Conforme o próprio nome já sugere, esse tipo de pitch pessoal é uma espécie de suporte à sua apresentação.

Nesse sentido, pode ser uma apresentação de slides, um vídeo de fundo ou uma edição no Prezi. Desse modo, ele funciona como um auxiliador e uma espécie de guia durante a sua exposição oral.

Entretanto, recomendamos que você tenha alguns cuidados ao usar o seu pitch deck, tais como:

Como fazer um pitch pessoal cativante

  • Sempre verifique se não existe um áudio alto no fundo. Isso pode atrapalhar a sua fala;
  • Bem como, revise toda a apresentação e jamais cometa erros de português e/ou de ortografia nos seus slides;
  • Por fim, verifique se as imagens estão boas e se não estão distorcidas ou com baixa resolução. Afinal, isso prejudica muito a apresentação e mostra certo desleixo do(a) candidato(a).

7 dicas sobre como fazer um pitch pessoal

Como fazer um pitch pessoal

Um dos pré-requisitos para uma oportunidade é estar preparado(a) adequadamente, não é mesmo? Portanto, agora que você sabe o que é e quais são os tipos de pitch, temos mais informações para você.

Abaixo, falaremos sobre 7 dicas de como fazer um pitch pessoal de sucesso. Quer ter acesso a essas sugestões em outros momentos? Salve essa matéria na sua barra de favoritos e consulte sempre que achar necessário. Veja as dicas!

1.      Tenha várias versões de pitch

Antes de mais nada, saiba que é importante improvisar e se adaptar a vários tipos de situações em que você usará o pitch pessoal.

Todavia, já tenha na sua mente alguns modelos “prontos” de como se apresentar sucintamente. Assim, você não corre o risco de perder uma oportunidade se encontrar um líder de uma empresa em um congresso ou no elevador de um seminário, por exemplo.

Em resumo, faça algumas versões de pitch pessoal, com duração variada e explore sempre os seus pontos positivos em todas.

2.      Chame a atenção do ouvinte

Ademais, logo no início, chame a atenção de quem te ouve. Nesse sentido, temos algumas dicas simples para conseguir isso, são elas:

Como fazer um pitch pessoal exemplo

  • Cite um problema que você sabe como ajudar a resolver;
  • Mostre como você pode ajudar a impulsionar a companhia;
  • Fale sobre um acontecimento atual da empresa e demonstre interesse no tema.

3.      Estruture a sua fala

Além disso, crie as suas versões de pitch pessoal sempre com começo, meio e fim. Ou seja, use uma linha do tempo e fale de forma lógica sobre os assuntos.

Bem como, evite se alongar muito, afinal, saber como fazer um pitch pessoal significa se apresentar com rapidez e coerência.

4.      Saiba quais as palavras chave corretas

Todos os setores e áreas de trabalho possuem algumas palavras chave. Nesse sentido, saiba quais são as palavras chave da empresa e área que você deseja trabalhar.

Assim, use-as no seu pitch pessoal e tenha certeza de que isso será notado (e valorizado) pelo recrutador.

5.      Apresente resultados mensuráveis

Para mostrar os seus pontos fortes com clareza, indicamos que você sempre exponha alguns resultados que podem ser medidos. Ou seja, fale na primeira pessoa e mostre o que já conseguiu graças a seu trabalho e dedicação. Veja alguns exemplos:

Como fazer um pitch pessoal matador

  • Treinei 8 novos colaboradores em um mês no meu último emprego;
  • Aumentei a entrega de anúncios e produções de conteúdo para sites em 22% na agência de marketing que atuei no último ano;
  • Coordenei uma equipe de 12 professores na escola em que fui supervisora.

6.      Treine muito

Além de seguir as dicas que citamos acima, indicamos que você treine muito o seu pitch pessoal. Desse modo, observe se você segue alguns pré-requisitos para uma boa apresentação em público, como:

Como fazer um pitch pessoal dicas

  • Treine na frente de um espelho e fique de olho na sua postura;
  • Faça algumas pausas e respire entre as frases;
  • Bem como, fale em um tom audível mas cuidado para não gritar;
  • Crie segurança e faça contato visual com os ouvintes. Para aprender mais sobre isso, treine com amigos e/ou familiares o seu pitch pessoal.

7.      Termine com uma pergunta ou um convite

Por último, indicamos que você termine a sua fala com uma indagação e/ou com um convite. Veja alguns exemplos:

  • Vocês desejam saber mais sobre as minhas ideias para o time de marketing? Podemos debater em outro momentos algumas propostas que possuo sobre essa área.

Curtiu saber como fazer um pitch pessoal? Se sim, siga a gente também nas nossas redes sociais e fique por dentro das melhores dicas, notícias e novidades sobre carreira, desenvolvimento pessoal e mercado de trabalho.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You May Also Like