Como Fazer um Bom Perfil No LinkedIn? 6 Passos Essenciais Para Sucesso

Entender como fazer um bom perfil no LinkedIn é uma das questões mais importantes atualmente quando pensamos em uma vaga de trabalho.

Afinal, essa é uma das redes sociais para conquistar emprego mais famosas de todo o planeta.

Dessa forma, ter um perfil bonito, atraente e completo na rede pode garantir:

  • Muitos seguidores e grande audiência;
  • Excelente visibilidade e possibilidade de alcançar a vaga dos seus sonhos.

Contudo, nem sempre as pessoas sabem como criar ou desenvolver uma boa página no LinkedIn.

Desse modo, desperdiçam essa oportunidade e pior: muitas vezes “queimam o próprio filme”.

Nesse sentido, elaboramos um post com as melhores dicas sobre como fazer um LinkedIn atrativo.

Assim, você vai sair dessa leitura apto a criar um LinkedIn adequado para conquistar uma vaga no mercado de trabalho.

Confira e tenha uma maravilhosa leitura!

Quais são os benefícios de ter um perfil no LinkedIn?

De antemão, saiba que existem muitos benefícios em ter um perfil nessa rede social.

Afinal, o LinkedIn é uma ferramenta ideal para:

  • Gerar autoridade em determinada área de trabalho. Isso porque você pode escrever posts e matérias sobre a sua profissão e atuação;
  • Além disso, se você é autônomo ou freelancer, por lá é possível conquistar novos clientes;
  • Ademais, o LinkedIn permite que você aumente o seu networking. Ou seja, graças a essa rede é mais simples aumentar seus contatos profissionais;
  • Por fim, o LinkedIn te ajuda a manter uma rotina de aprendizados e de mudanças no mercado de trabalho.

Como montar um bom perfil no LinkedIn?

Primeiramente, é necessário acessar o site e criar uma conta.

Como elaborar um perfil no LinkedIn?

Depois, recomendamos que você pense em alguns pontos antes de montar o seu perfil.

O que eu devo fazer antes de criar um bom perfil no LinkedIn?

São eles:

Habilidades

1 – Conheça as suas habilidades

De antemão, indicamos que você anote em um papel quais são as suas habilidades.

Afinal, não dá para iniciar no LinkedIn e encher linguiça, não é mesmo?

Portanto, selecione aquilo que você faz de melhor e coloque isso no seu perfil.

Ah! Pesquisas já demonstram que perfis com a aba “habilidades” preenchida são mais visualizados por empresas.

2 – Entenda quais são os seus diferenciais

O Guia Final: Como Colocar Trabalho Voluntário Em Seu Currículo

Sob o mesmo ponto de vista, nada de escrever que você é proativo ou motivado.

Além de clichê, isso não significa nada para um RH!

Nesse sentido, exponha um projeto ou trabalho voluntário que demonstre essas competências.

3 – Monte uma rede coerente

Ademais, tenha uma rede de amigos coerentes.

Por exemplo, se você é ou está estudando para ser nutricionista, siga pessoas desse nicho.

Não perca tempo com outros segmentos e fique atento ao comportamento de usuários muito bons.

Em resumo, se inspire nos “top voices” da rede!

Como fazer um LinkedIn atrativo?

Além disso, temos algumas dicas práticas para você saber como fazer um LinkedIn atrativo de uma vez por todas.

Confira:

1 – Como ter um linkedin de sucesso: A foto é o chamariz

Como tirar a foto perfeita para colocar no LinkedIn

Antes de mais nada, é essencial ter uma ótima foto de perfil.

Você pode aplicar os mesmos princípios para sua foto em seu currículo a sua foto em um perfil do LinkedIn.

Sabemos que nem todos podem pagar por uma foto profissional, contudo, use as ferramentas disponíveis a seu favor.

Como tirar uma boa foto para o LinkedIn?

  • Tire uma foto em um fundo neutro e com o seu rosto no centro da imagem;
  • Do mesmo modo, a imagem precisa ter uma boa iluminação e você precisa estar com um roupa sóbria;
  • Todavia, não precisa ser super produzido(a) ou muito maquiado(a);
  • Além disso, pesquisas mostram que o ideal é sorrir para a foto. Afinal, isso garante uma imagem mais amigável e acolhedora.

2 – A aba “sobre” deve ser impactante

A parte “sobre” é uma espécie de resumo da sua vida profissional.

Desse modo, recomendamos que você tenha nesta aba os seguintes tópicos:

  • Sua trajetória de trabalhos;
  • O que você ama fazer;
  • Seu cargo atual e nome da empresa em que trabalha;
  • Também coloque um CTA nessa parte.

O CTA ou call to action significa chamada para ação.

Assim, você pode chamar o seu leitor para ver seu portfólio ou acompanhar seu canal no YouTube, por exemplo.

3 – Como fazer um bom perfil no LinkedIn: O título precisa chamar a atenção

Sob o mesmo ponto de vista, o título é uma das partes mais importantes do seu LinkedIn.

Portanto, nada de dar ao seu perfil um título genérico e pouco atraente.

Felizmente, fizemos um guia completo com exemplos que você pode usar para criar seu título atraente no LinkedIn, que irá direcionar os recrutadores ao seu perfil.

Segundo algumas pesquisas, o ideal é ter um título com cerca de 10 palavras.

Ademais, nessa frase você deve expor o que faz de maneira única e cativante.

Exemplo de título do LinkedIn

Veja um exemplo:

  • Errado: Social Media de influenciadores;
  • Correto: Especialista em Redes Sociais e apaixonado por Marketing Digital.

4 – Faça um perfil super completo

Também é super importante você preencher de forma completa o seu perfil.

Assim, utilize o máximo de opções para incrementar o seu currículo que o LinkedIn oferece.

Como posso completar meu perfil no LinkedIn?

Ou seja, insira informações relevantes, tais como:

  • Trabalhos voluntários;
  • Cursos complementares que você possui;
  • Idiomas que você fala e/ou lê (nunca minta sobre isso);
  • Prêmios e certificados que você conquistou ao longo da sua trajetória.

5 – Inspire-se nos melhores

Ademais, lembre-se do que falamos acima sobre a sua rede de contatos!

Siga pessoas que tenham relação com o seu nicho e que sejam muito boas no que fazem.

Assim, você poderá se inspirar e crescer com elas.

Em síntese, aprenda com os profissionais que mais se destacam nessa rede social.

6 – Crie artigos

Mesmo que você não seja um redator, é muito bacana fazer posts relevantes para o LinkedIn.

Nesse sentido, recomendamos que você poste pelo menos um artigo por semana.

Isso irá mostrar para as empresas que você domina tudo sobre seu nicho e que você é estudioso(a) e proativo(a).

Como um iniciante deve usar o LinkedIn?

Se você vai criar o seu LinkedIn agora, fique tranquilo(a).

Vamos te mostrar como o LinkedIn para iniciantes não é nenhum bicho de sete cabeças.

Confira!

Como começar a usar corretamente o LinkedIn?

  • Faça um perfil com foto sóbria e atraente para as empresas;
  • Lembre-se de colocar um título que chame a atenção e informe em que você trabalha;
  • Solicite amizades da sua área de trabalho e aceite convites de colegas;
  • Bem como, indicamos que você participe de grupos do seu setor. Isso aumenta o seu networking e te ajuda a aprender mais.

Como posso melhorar meu perfil no LinkedIn?

Sob o mesmo ponto de vista, se você ainda é muito jovem e não tem experiência, veja o que pode fazer para incrementar o seu perfil no LinkedIn:

  • Faça cursos (pode ser online) para aprender mais e criar novas habilidades;
  • Leia posts relevantes e faça comentários inteligentes sobre o assunto. Isso pode ampliar a sua rede com rapidez;
  • Escreva 2 a 3 artigos por semana. Isso te fará crescer rápido na rede e, consequentemente, as empresas vão te ver.

O que deve ser incluído em um perfil do LinkedIn?

Além disso, existem alguns itens que são partes obrigatórias no seu perfil.

Para você saber quais são, anotamos abaixo.

Desse modo, salve esse post na sua aba de favoritos e vá agora mesmo criar ou completar o seu perfil nessa importante rede social.

Veja:

  • Experiências de trabalho (ainda que sejam voluntariado ou mesmo trabalho temporário);
  • Anote todas as suas competências com clareza e bom senso. As Soft skills e Hard skills entram nessa parte também;
  • Bem como, indicamos que você anote os projetos que já elaborou ou que ajudou a criar;
  • Ademais, se você já tirou excelentes notas em provas, isso deve ser valorizado;
  • Coloque links de textos em sites, blogs ou revistas acadêmicas. Isso te proporciona uma boa imagem e te ajuda a construir autoridade em determinado assunto;
  • Não se esqueça de anotar a sua formação acadêmica completa.

O que colocar no título do LinkedIn? Exemplos práticos aqui!

Além disso, decidimos escrever nesse tópico as principais dicas de título para o seu LinkedIn.

Veja alguns exemplos práticos abaixo:

1 – Exemplo de um bom título LinkedIn: Maria Clara

Professora de Inglês e palestrante educacional

2 – Eduardo Brandão

Gestor de Redes Sociais e amante de Marketing Digital

3 – Exemplo de um título atraente LinkedIn: Luís Cláudio

Copywriter e Criador de Conteúdo Digital

4 – Lilian Alvarenga

Influenciadora Digital e Modelo

O que deve conter meu título no LinkedIn?

Viu como o título deixa claro pontos importantes? São eles:

  • Cargo;
  • Área de atuação;
  • Interesses profissionais que você possui.

O que não deve ser incluído em um perfil do LinkedIn?

Estamos chegando ao fim de mais um artigo.

Entretanto, não podemos deixar de te mostrar erros comuns que muitos cometem no LinkedIn.

O que devo evitar em meu perfil no LinkedIn?

Portanto, anote essas sugestões e jamais cometa os deslizes listados abaixo. Veja:

  • Nunca escreva palavras erradas. Erros gramaticais não são tolerados e passam uma imagem péssima sobre você;
  • Além disso, nada de compartilhar fotos pessoais ou declarações de amizade e amor pela rede. O LinkedIn é uma rede profissional e não é indicada para fins pessoais. Para isso, use o Facebook, Instagram ou Pinterest;
  • Bem como, não fique curtindo tudo e enviando solicitações de conexão para todos. Isso pode gerar uma imagem de “spam” e a rede entende que você não sabe o que faz no site. Em resumo, siga e compartilhe conteúdo que faça sentido para você.

Aprendeu como fazer um LinkedIn atrativo?

Para continuar a ler mais posts produtivos como este, assine a nossa newsletter!

Desse modo, você receberá nossas matérias e dicas na sua caixa de e-mails.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You May Also Like